27 de abr de 2013

Captadores: Tipos, informações e dicas

Todo captador é construído enrolando-se um fio de cobre a um imã e cada tipo de imã gera características de timbres diferentes. São dois tipos que veremos à seguir.

Alnico: É composto de uma liga de alumínio, níquel e cobalto. É mais sensível e tem boa condução magnética. Apresenta timbre mais agudo e com harmônicos mais evidentes.

Cerâmicos: Apresenta frequências equilibradas, timbre mais “macio”, além de custo mais baixo.

Tipos de captadores

Basicamente existem 2 tipos de captadores: Single Coils (uma bobina) e Humbuckers (bobinas duplas).

Single Coils: São famosos por seu timbre agudo e cristalino (além dos ruídos) e levam este nome por apenas uma bobina trabalhar na captação.

Kit Texas Special (Fender)

Humbuckers: Consiste em dois Single Coils juntos com campos magnéticos opostos (ajudando assim no cancelamento de ruídos). Possuem um timbre mais “encorpado” e com mais ganho, pelo fato das duas bobinas.

Seth Lover, um ex- engenheiro da marinha dos E.U.A foi o idealizador dos Humbuckers e grande colaborador da Gibson nos anos 50 e 60.


Seth Lover, idealizador dos Humbuckers

Também foram criados para resolver o problema do espaçamento em relação aos tremolos tipo Floyd Rose, humbuckers mais largos e com polos alinhados aos carrinhos (saddles), proporcionando um ajuste preciso dos pólos em relação às cordas.
Seymour Duncan Trembuckers 

DiMarzio F Spaced

Existem também Humbuckers no formato de Single Coil, como os Hot Rails da Seymour Duncan e o Fast Track da DiMarzio.


Seymour Duncan Hot Rails (ideal para ponte de strato-Heavy Metal)
DiMarzio Fast Track

Outros Captadores

Piezos: São captadores destinados para instrumentos acústicos como violões. geralmente são separados por corda. Por terem característica de simular o som de violão acústico, tem sido adaptados às pontes de guitarras gerando assim a opção de um timbre acústico.


Captador adaptado à ponte (Piezo)

Single Coils com bobinas duplas sobrepostas: Um grande problema dos Singles são os ruídos. Para sanar este problema alguns fabricantes oferecem Singles sem o ruído característico, usando neles o mesmo raciocínio dos Humbuckers, mas com as bobinas sobrepostas e não paralelas.
DiMarzio HS (usado por Malmsteen, HS3)

Captadores Hexafônicos: São constituídos por seis bobinas independentes para cada corda oferecendo a possibilidade de adicionar diversos efeitos e regulagens para cada uma delas. É usado em principalmente em forma de controlador para sintetizadores de guitarra tipo Roland e Yamaha.
 
Roland GK2A

Captadores ativos: Apresentam sonoridade moderna, limpa e sem nenhum ruído. De modo geral precisam ser alimentados por uma ou duas baterias 9v. Seu som é característico e pouco influenciado pelo tipo de instrumento (tem som “próprio”).
Seymour Duncan Metal Live Wire 

EMG 81 ou 85, recomendados para Distortion bem forte/"matador" (Slayer e Metallica).

Mas…qual o melhor para meu estilo ??? Esta é uma pergunta frequente e por isso veremos algumas dicas que ajudarão na hora da escolha.

Captadores Vintage: Apresentam ganho moderado, equalização equilibrada e pode ser aplicado ao Rock, Blues, Jazz…

Gibson Paf
 
Fender Tradicional
Dimarzio Virtual Vintage

Seymour Duncan Classic Strat

Captadores de ganho médio: Apresentam som bem limpo, com brilho e harmônicos destacados. Com alto volume e saturação “seguram a onda” do blues ao Rock mais pesado. Indicado para guitarristas de Fusion (Jazz Rock).


Dimarzio Paf Pro (braço, usado por Joe Satriani) 


Dimarzio Fred (ponte, usado por Joe Satriani).


Seymour Duncan Screamin Demon


Seymour Duncan Blues Trembucker.

Captadores de alto ganho: Quando usados com som limpo apresentam um certo Crunch levemente saturado e as frequências graves e agudas geralmente são acentuadas. São ideais para sons pesados !!!


Seymour Duncan-Duncan Dist (Dave Murray)


Dimarzio Evolution (Steve Vai)

Dimarzio The Breed (mais grave que o Evolution)

Dimarzio Super Distortion

Dimarzio Tone Zone (Paul Gilbert - ponte)

Espero ter ajudado !!! abraços !!!