6 de nov de 2017

Mini Pedais de efeitos - Custo Benefício (Aroma Tom'sline, Kokko, Mosky)

Olá amigos ! Muitos se perguntam se vale a pena comprar pedais de baixo custo, já que os preços são bem atrativos. Existem boas marcas chinesas como a Mooer, que está ganhando terreno no exigente mercado americano, as conhecidas no mercado brasileiro como Nux e Joyo, Rowin, Aroma (que tem a linha assinatura do guitarrista Michael Angelo Batio), Mosky, Kokko, Caline, entre outras.


Para quem ainda não conhece vale a pena testar, já que podem ser comprados direto da China por preços à partir de pouco mais de 50 Reais. Outra dica é que comprando a fonte para 6 pedais, cabos e pedalboard diretamente da China é possível montar um set legal com 6 pedais por menos 600 Reais !!!

Tive a oportunidade de testar 2 pedais da Mosky Audio, 2 da Aroma linha Tom'sline e 2 da Kokko e deixarei à seguir as minhas impressões. Logo de cara, posso afirmar que foi surpreendente !!!

Mosky Audio: Esta empresa fabrica além dos mini pedais, fontes, cabos e pedais multi efeitos. A grande maioria modelos são baseados em pedais de marcas renomadas. São pedais bem robustos e de excelente qualidade ! Testei o Noise Reduction e o Blue Delay.

O Noise Reduction (MP-40) é baseado no MXR Noise Gate e custa em torno 60 Reais. Cumpre muito bem o seu papel, mas está longe de ser um ISP Decimator "da vida", até porque não é a proposta deste pequeno Mosky ! Dispõe de um único controle de Gate e é de fácil ajuste.

Mosky Noise Reduction

O Blue Delay (MP-31) é baseado no Mad Professor Deep Blue Delay e o delay time varia de 25 a 450 ms.  Conta com os controles de Delay, Repeat e Level. Pode ser encontrado à partir de 65 Reais. Pelo timbre e pelo preço vale e muito a pena !

 Mosky Blue Delay

Kokko: É uma marca da empresa "Flanger" que fabrica além de pedais, acessórios e até amplificadores. Seus pedais são de muito boa qualidade e pelo que pesquisei, são os mais baratos. Testei o Kokko Overdrive e o Kokko Compressor. 

O Overdrive (FOD3) que embora não divulgado pela marca, visivelmente é uma réplica do Mini TS9 da Ibanez. Tem um som muito bem definido e baixo ruído, ideal para Fusion, Blues e até para ser usado como Boost. Pode ser encontrado à partir de 52,55 Reais. Conta com os controles de Drive, Level e Tone.

Kokko Overdrive

O Compressor (FCP2) funciona muito bem, mas apresenta um nível maior de ruído. Nada que não possa ser resolvido com um pedal de Noise gate. Pode ser encontrado por pouco mais de 52 Reais. Conta com os controles de Sustain, Level e Attack.

Kokko Compressor

Tom'sline: É uma marca da Aroma Music, que também fabrica acessórios além de pedais. Tem seus próprios pedais como os Michael Angelo Batio Signature mas também faz pedais baseados em pedais clássicos. Não estão entre os mais baratos mas o nível de acabamento e até mesmo a embalagem são superiores aos das outras marcas citadas acima. Testei o Holy War e o OceanVerb.

O Holy War (AHOR-3) é um High Gain MATADOR, com um ganho absurdo e com duas opções de timbre que podem ser selecionadas através de uma chave seletora: Modern que é na onda dos cabeçotes Randall (estilo Dimebag Darrel) e o Classic que é "algo mais" Marshall JCM 800. É um pouco agudo mas pode ser regulado pelo controle "Contour". Além da chave seletora mencionada acima, conta com os controles de Volume, Contour e Distortion. Pode ser encontrado à partir de 86,60 Reais.


O OceanVerb (AOV-3) é um pedal de Reberb bem completo e com boas opções de timbres. Conta com os controles de Mix, Decay, Tone e uma chave seletora com opção de 3 tipos de reverb: Room, Spring (famoso reverb de molas) e Shimmer. Pode ser encontrado à partir de 95,20 Reais.


Conclusão: Pela qualidade do som, construção robusta e pelo preço extremamente baixo acredito que valem e muito a pena. O que ainda não posso afirmar é quanto à durabilidade destes pedais, já que existem algumas reclamações neste quesito.

Aqui no Brasil são comercializados a preços bem mais altos (3 ou 4x) mas dependendo de onde se compra é possível conseguir alguma garantia (no máximo 90 dias). Ao meu ver a melhor opção ainda é comprar direto da China !

Só para constar...Essa semana um amigo comprou 3 pedais nacionais que custam quase 6x vezes o valor de um mini pedal chines e um deles veio com defeito. O lado positivo foi que em menos de uma semana a empresa trocou por um novo. Nesse caso acho que a garantia do produto nacional valeu a pena.

Caso você tenha alguma experiência com pedais importados, seja ela negativa ou positiva, deixe à seguir nos comentários.

Grande abraço e até a próxima !!!